10.4.08

Uma achega de tomo para a história da Matriz de Ovar (I)

Jornal JOÃO SEMANA (15/01/1988)
TEXTO: Manuel Pires Bastos

Acerca da actual Igreja Matriz de Ovar debruçaram-se, em pormenor, os historiadores locais Dr. João Frederico Teixeira de Pinho («Memórias e Datas para a História de Ovar», Ovar, 1959, edição póstuma), e Padre Manuel Lírio («Monumentos e Instituições Religiosas – Subsídios para a História de Ovar», Porto, 1926), havendo, para os aspectos artísticos e arquitectónicos, um precioso trabalho do Padre António Nogueira Gonçalves («Inventário Artístico de Portugal», vol. X, Distrito de Aveiro – Zona do Norte, Lisboa, 1981).Destas fontes se infere que o corpo principal da actual Igreja é uma reconstrução do templo anterior, que, por sua vez, sucedera a um outro ainda mais antigo, que vinha do século XVI, quando da mudança da sede da Paróquia.

Igreja Matriz de Ovar (anos 90)
[Foto Fernando Pinto]
A reconstrução de 1834 (data gravada na frontaria da Igreja) fez-se a partir dos alicerces do templo antecedente, então em ruínas.
Deixando de parte as minudências históricas que sempre explicam e acompanham projectos desta envergadura, e que podem encontrar-se quer nos autores referidos, quer em outros trabalhos posteriormente publicados, vamos hoje trazer à luz alguns elementos inéditos relacionados com a génese da última reconstrução, e que constituem uma achega muito interessante não só para a história da nossa Matriz como para o estudo do património cultural vareiro.
Estes elementos, que se encontram no Arquivo Municipal de Ovar, e que nos foram facultados pelo sr. Arquitecto Faria Pires, constam de um processo que contém:- Dois desenhos de alçados para a frontaria da Igreja, um deles datado de 1804 e o outro sem data (posterior a 1824, ano gravado a letras de água na folha de papel em que o trabalho foi executado);
- Dois desenhos relacionados com a base e a cúpula da torre;
- Um croqui colorido com um pormenor do interior da Igreja de então, notando-se as colunas muito mais baixas do que as actuais;
- Um desenho a lápis com medidas do interior da Igreja;
- «Apontamentos para a Igreija da Villa de Ovar», em 12 folhas, em que são especificados os trabalhos de pedreiro (7:869$665 reis), carpinteiro (2: 250$000), e trolha (550$000).
Estudo para a fachada da Igreja Matriz de Ovar
- Documento de 27/5/1833, em que o mestre António José da Silva, declara ter recebido o «risco do frontespício da Igreija d’Ovar» para mandar copiar e servir-me da sua cópia de governo para a obra».
- «Relaçam dos livros, Autos e Chave do cofre pertencente à Igreja Matriz desta Villa, de que faço entrega ao Snr. Commissario da Parochia Fran.co d’Oliv.a Bap.ta». (Tem a data de 31.8.1836, e é assinada pelo Secretário da Câmara, Salvador José da Silva Lima).
- «Apontamentos para a Capela do Santissimo Sacram.to da Igreja da Villa de Ovar», com 10 folhas e um pormenorizado desenho da talha do respectivo altar (o mesmo da actualidade, do lado direito da Igreja, embora sem as imagens ligadas ao culto do Sagrado Coração de Jesus).

Apresentamos, em gravura, os referidos estudos para a fachada da Matriz, os quais, embora pouco audaciosos, contêm, gradativamente, os elementos caracterizadores da solução definitiva (mais consentânea com a projecção que já tinha, há um século e meio, a então Vila de Ovar, mas só possível graças à colaboração do Governo da época, que para a sua fábrica aplicou o imposto do real da água).
Atente-se na simplicidade do projecto de 1804, do Arquitecto Luís Inácio de Barros Lima, do Porto, com uma única janela ao centro e uma torre de linhas orientais.


Artigo publicado no jornal JOÃO SEMANA (15 DE JANEIRO DE 1988)
http://artigosjornaljoaosemana.blogspot.pt/2008/04/uma-achega-de-tomo-para-histria-da.html


LEIA TAMBÉM OS SEGUINTES TEXTOS:
- Uma achega de tomo para a história da Matriz de Ovar (II)
http://artigosjornaljoaosemana.blogspot.pt/2008/04/uma-achega-de-tomo-para-histria-da_14.html

- Uma achega de tomo para a história da Matriz de Ovar (III)
http://artigosjornaljoaosemana.blogspot.pt/2008/04/uma-achega-de-tomo-para-histria-da_21.html

- Uma achega de tomo para a história da Matriz de Ovar (IV)
http://artigosjornaljoaosemana.blogspot.pt/2008/04/uma-achega-de-tomo-para-histria-da_5880.html

Sem comentários: